Roupa Tática

Roupa Tática
Publicidade

Escrito por Ivan Yaskey em Tips & Advice em 19 de maio de 2023

What Makes Something Tactical?

Camisas táticas. Botas táticas. Pacotes táticos. Nas esferas ao ar livre e adjacentes ao ar livre, “tático” como descritor aumentou em popularidade nos últimos anos – potencialmente em resposta à tendência warcore e, mais potente, como um significante de qualidade, pois todos nós procuramos produtos que duram. No entanto, a menos que você leia as letras miúdas, “tático” acaba sendo uma linguagem de marketing para inspiração militar e, na maioria dos casos, significa simplesmente que uma peça de equipamento externo tem mais bolsos ou construção mais resistente. Antes de fazer o investimento, entenda completamente o que significa equipamento tático:

O que significa “Tático”? - Kith A palavra ficou entrelaçada com equipamentos militares e policiais a ponto de parecerem sinônimos. No entanto, até mesmo os limites atravessam o campo do equipamento militar: as botas de combate e as gabardinas de um século atrás perderam seu propósito e agora são muito pesadas, muito pesadas e sem as bolsas e recursos certos para acomodar placas de blindagem e munição. . Tático, então, descreve o propósito: o equipamento ou vestuário não é construído para uso diário e, na aplicação, atende às demandas e ambientes de uso militar, policial e de primeiros socorros. Por mais vago e amplamente aplicável que pareça, a construção tem um papel definido, seja para manter o usuário fresco em uma paisagem desértica, misturar-se com um ambiente arborizado ou fornecer adaptabilidade por meio de correias MOLLE. Nada extra é adicionado, e o design – do material aos recursos e cores – é específico para um ambiente ou tarefa.

- Arc'teryx – Arc'teryx

Ao mesmo tempo, “tático” como descritor cresceu em resposta ao mercado militar excedente, ajudando a vender jaquetas de camuflagem com bolsos, calças verde-oliva e botas de combate para civis cautelosos em comprar algo usado ou direcionado a soldados e membros da Marinha. No entanto, conforme ilustrado pela evolução militar para civil de certas vestimentas, algo rotulado como “tático” começou a significar qualidade. Por sua vez, as marcas outdoor com contratos militares e policiais dos EUA começaram a classificar esses produtos mais específicos como “táticos”. Por fim, esses itens tornaram-se disponíveis por meio da vitrine on-line de uma marca, em comparação com contextos de montagem e montagem B2B ou por meio de lojas de artigos militares de segunda mão. Como terceiro fator, a amplitude e a variedade por trás do que constitui o equipamento tático evoluiu. Embora já tenha sido um apelido para excedente militar, agora abrange vestuário e suprimentos de aplicação da lei e primeiros socorros, bem como ofertas mais pesadas e intensivas de uma marca de equipamentos para atividades ao ar livre, projetadas para escalada avançada, mochila e caça. Então, para resumir tudo isso, o que torna um produto tático? Geralmente, o termo constitui roupas, calçados, mochilas e acessórios mais tecnicamente orientados que se originaram ou são inspirados por equipamentos militares mais atuais ou que são usados ​​por militares modernos, socorristas ou pessoal de aplicação da lei. Você não encontrará “tático” associado a um produto de uso geral, amador ou iniciante.

Desempenho Tático e Uso

Ao contrário, digamos, das botas de combate, o equipamento tático reflete os avanços modernos em recursos, design e tecnologia. Embora o desempenho não seja uniforme, o objetivo geral aqui é armazenar equipamentos, coletes à prova de balas e munição de forma econômica, manter o corpo resfriado ou aquecido de acordo com as condições e aprimorar, em vez de restringir, os movimentos do usuário. Se você decidir ir em uma direção de excedente militar, provavelmente encontrará MultiCam e padrões de camuflagem digital, em comparação com o padrão Woodland mais familiar dos EUA ou combinações Realtree e Mossy Oak específicas para caçadores.

- Kith – Kith

Com base no propósito e na função, os recursos comuns incluem:

– Bolsos profundos e seguros o suficiente para guardar ou esconder uma arma de fogo, munição ou outro equipamento como mira e bússolas.

– Material ripstop elaborado para ter maior resistência à abrasão e desgaste em relação ao nylon tradicional.

– Construção ergonômica, com roupas que se movem com o usuário ou acolchoamento em áreas-chave para limitar a fadiga e o esforço.

– Modularidade que permite adicionar ou alterar a configuração de bolsos, recursos e ordem – desde adicionar bolsas a um pacote por meio de correias MOLLE ou organizar camadas para as condições futuras.

– Construção, através de ventilação ou tratamentos, que mantém o usuário fresco ou adiciona isolamento em áreas-chave; os desenvolvimentos nos últimos 15 anos se inclinaram mais para o isolamento por meio de camadas, em vez de volume ou peso.

– Recursos internos projetados para suportar armadura corporal.

– Recursos reforçados para aumentar a vida útil de uma roupa, bota ou mochila: Comumente, a borracha termoplástica suporta nylon ou couro Cordura já resistente.

– Um ajuste mais natural que não é nem muito justo nem muito solto ou algo que fique preso na vegetação. Em vez disso, por meio de reforços estrategicamente colocados, o usuário obtém uma amplitude total de movimento.

Por que a demanda aumentou por equipamentos táticos e roupas

De acordo com um relatório da Technavio, as vendas de roupas táticas devem exceder US$ 4 bilhões até 2026: esse pico é alimentado por contratos militares e de defesa, bem como pelo crescente uso civil. Em relação ao último fator, as bases de consumidores emergentes valorizam a força e os recursos do equipamento tático em comparação com os produtos padrão para atividades ao ar livre:

- Han Kjøbenhavn

– EDC: Você provavelmente já viu dicas de EDC em algum lugar do seu feed social promovendo carteiras de metal ultrafinas e o uso adequado de uma bolsa transversal. De qualquer forma, o equipamento tático prospera no mercado de transporte diário e, secundariamente, entre os sobreviventes pela combinação de bolsos estrategicamente posicionados, aparência furtiva, durabilidade e design específico oferecido.

– Sporting: Enquanto a moda masculina e o streetwear tiveram um breve flerte com os petrechos de pesca, os que estão imersos nessa atividade, assim como em outras atividades ao ar livre como caça, pesca e escalada em rocha, tendem a encontrar um equilíbrio entre os recursos propositais do equipamento tático e a construção mais robusta que dura mais do que os produtos externos modernos de cada grama.

– Gorpcore: Considere a obsessão do ano passado com Arc'teryx um prenúncio de por que tudo agora parece ter um descritor tático na frente dele. Ao mesmo tempo, a Arc'teryx está presente no mercado tático há algum tempo, o que acrescenta um grau de familiaridade com a marca para os consumidores que buscam equipamentos de alta qualidade.

- Han Kjøbenhavn – Han Kjøbenhavn

No entanto, em resposta a essas mudanças, a autenticidade define o que é verdadeiramente tático em design e função e o que é apenas militar -estilo inspirado:

– Tacticool: equipamento tático genuíno os entusiastas classificam isso como o material falso que se parece com o negócio real, mas não funciona ou funciona conforme o esperado. Pense na abundância de calças cargo superdimensionadas no ano passado ou até mesmo em toda a estética warcore popularizada na mesma época.

– Mil-Spec: Pelo menos para equipamentos táticos produzidos nos Estados Unidos, espera-se que roupas e outros itens destinados ao uso militar ou policial atendam a certos padrões em termos de materiais, design e desempenho estabelecidos pelo Departamento de Defesa dos EUA. Os fatores estabelecem uma linha de base consistente para desempenho, uso e operação. Os produtos terão MIL-STD ou MIL-SPEC listados em algum lugar no rótulo ou na lista de recursos.

Roupas e equipamentos táticos de uso diário

Você pode dizer prontamente que boa parte da moda masculina tem origens táticas. Mas, voltando ao ponto original, isso não significa que roupas como gabardines ou calças de ganga funcionem como equipamento militar no século XXI. Em vez disso, ao considerar recursos e funções, estamos vendo uma maior adoção civil do seguinte:

– Botas táticas: um contraste com os estilos de combate mais antigos, todo em couro, as botas táticas de hoje são respiráveis, responsivas e muitas vezes à prova d'água e construídas para enfrentar uma ampla gama de tipos de terreno. A cor reflete ainda mais onde você as usará, desde botas de deserto em tons de areia até tons mais verdes para áreas arborizadas.

– Mochilas táticas: Enquanto as mochilas de caminhada parecem ter crescido e crescido, as versões táticas priorizam um design mais econômico, ergonômico e adaptável que você pode ajustar para o seu jornada. No interior, bolsas adicionais melhoram as capacidades organizacionais.

– Camisas táticas: Embora ainda sejam chamadas de camisas de combate, essas roupas começam com o que pensamos como construção de caminhada ou viagem, adicionam mais bolsos e opções de ocultação , e resistem melhor ao desgaste, umidade e odores.

– Calças táticas: Embora tenham se tornado sinônimo de estilo cargo, as calças táticas são mais estratégicas do que estéticas quanto aos bolsos e fator de proteção para os joelhos, melhor resistência ao desgaste , e os movimentos naturais do seu corpo, adicionando reforços às principais áreas. O tecido Ripstop ajuda ainda mais a prolongar sua vida útil.

– Cintos táticos: Se você vê seu cinto não estritamente para estilo, mas para carregar itens essenciais, um cinto tático em conjunto com vários bolsos desempenha essa função com precisão.

– Luvas táticas: Combinam os estilos outdoor e de trabalho para aumentar a resistência à abrasão e às intempéries e aumentar o amortecimento e acolchoamento em áreas-chave.

– Relógios táticos: Os relógios militares podem olhar para o passado com seu tom verde oliva e pulseira de nylon trançado. Os relógios táticos seguem uma direção diferente, aprimorando os recursos para melhorar o desempenho ao ar livre.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *